Prefeito de Água Boa Mauro Rosa incentiva Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis

Postado em 27 Julho 2018
por Comunicação de Água Boa
em Cidades
Acessos: 251

Projeto de Centro de Triagem de Coleta Seletiva está em fase de elaboração

Água Boa é um dos municípios exemplos na Região do Vale do Araguaia a formalizar convênio com uma associação de catadores de materiais recicláveis.

A iniciativa do Poder público Municipal, Defensoria e Ministério Público deu origem a Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis do Araguaia- ACAMARA.

Fundada em 17 de novembro de 2017, a ACAMARA conta com 11 associados. Pessoas que, anteriormente, passavam a maior parte do tempo na área do “Lixão” em busca de material que pudesse ser transformado em fonte de renda.

De acordo com a Engenheira Sanitarista Áurea Soares Campos, que sempre lutou pela gestão adequada dos resíduos sólidos, em várias vistorias na área do lixão, buscou por diversas vezes orientar os catadores a se formalizarem. Com o apoio do Gerente de Resíduos Sólidos da Secretaria das Cidades Rodrigo Rebelatto foram realizadas várias reuniões com esse objetivo.

Com a formação da Associação, a situação dos catadores passou a ter impactos positivos e transformação social.  É visível que, ao trabalhar de forma organizada e, em um ambiente com melhores condições, a auto-estima de todos fica mais elevada. “A Prefeitura sempre foi favorável a uma melhor condição de vida para as pessoas que usavam o lixão, como alternativa para o próprio sustento. O Prefeito Mauro Rosa sempre se mostrou atento e preocupado com a situação dos catadores de lixo. Hoje, trabalhamos bem próximo a Associação, com apoio administrativo e orientação técnica sobre a destinação final do material coletado que será encaminhado para reciclagem”. Comenta Áurea

Desde a formação da Associação, os catadores passaram a contar com um local específico para fazer o serviço de reciclagem. A “triagem” passou a ser feita em um “galpão” no Distrito Industrial, onde o material reciclável é separado e posteriormente comercializado.

De acordo com a Presidente da ACAMARA, a mudança de local trouxe muitos benefícios. “Sair do lixão foi uma conquista que nos deixou muito felizes. Hoje trabalhamos com mais dignidade. Aqui no barracão, não ficamos expostos ao calor do sol e a condição degradante do lixão. Somos gratos a Prefeitura de Água Boa, Defensoria e Mistério Público por nos dar a chance de trabalhar de forma organizada. Tudo está melhor”. 

Para a Gestora dos Conselhos Municipais Neusa Mourão, Água Boa da um grande exemplo de cidadania e resgate da dignidade para as pessoas que viviam expostas no lixão. Ao se organizar na Associação, a tendência é que tudo seja favorável a eles.  Os catadores já dispõem de 02 prensas hidráulicas (cedidas), que muito contribuem para compactação e formação dos fardos dos materiais. É importante destacar que a população está mais consciente com relação ao destino final do lixo. Muitas empresas já levam diretamente no galpão de triagem o material reciclável. A Prefeitura também segue este exemplo, e entrega na Associação, os recicláveis de vários setores da administração “É importante informar que o Prefeito de Água Mauro Rosa da Silva, já deu o sinal verde, para a elaboração do projeto de implantação do Centro de Triagem de Coleta Seletiva, o que no futuro, dará melhores condições de trabalho aos catadores de lixo do município, elevando a fonte de renda e colaborando com as condições do meio ambiente”. Finaliza Neusa