SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE: CAMPANHA OUVIDO NOTA 10

Postado em 02 Agosto 2018
por Comunicação de Água Boa
em Saúde
Acessos: 142

Desde 1º de março de 2018, a Secretaria Municipal de Saúde de Água Boa, tem oferecido através do Setor de Fonoaudióloga, a Campanha Ouvido Nota 10. É uma iniciativa pioneira na região Centro-Oeste, que visa realizar a triagem e diagnóstico audiológico de todas as crianças da rede municipal de ensino. “A saúde auditiva é um dos eixos de ações que tem sido ofertados pelo município com o objetivo de busca ativa e detecções precoces ainda dentro do ambiente escolar, juntamente com demais seguimentos como saúde bucal, detecção precoce de hanseníase, controle de antropometria (peso/altura/bioimpedanciometria), palestras educativas e preventivas em temas diversos, compondo de forma geral o Programa Saúde na Escola,

De acordo com o Secretário de Saúde Jader Bahia, em quatro meses de campanha, já foram examinadas crianças de oito escolas, totalizando 1377 avaliações auditivas. “Temos nos esforçado para descentralizar as ações de saúde em outros âmbitos, e especialmente na Campanha Ouvido Nota 10, percebemos o quanto um diagnóstico rápido, pode favorecer no tratamento, e evitar que crianças estejam passando por dificuldades de aprendizagem na escola, em decorrência de problemas auditivos que ainda não haviam sido percebidos”. Comenta Jader Bahia

A fonoaudióloga, Kathileenn Keilla Marca Bahia, responsável pelo programa, destaca os números encontrados, enfatizando que a partir da triagem e exames complementares ofertados (otoscopia, otoemissões acústicas, audiometria e impedanciometria), foram observados 184 casos de crianças com rolha de cerúmen nos condutos auditivos e 64 crianças necessitaram ser encaminhadas para tratamento especializado com o otorrinolaringologista. “Nesses casos, observamos comprometimento das funções auditivas”. No entanto, nos preocupamos com o fato de que, essas perdas auditivas transitórias não doem na maioria das vezes e a criança, pela pouca idade e experiência, não percebe e não relata aos pais. “Dessa forma, pela falta de tratamento, esses quadros se tornam repetitivos, acontecem diversas vezes por ano silenciosamente, e podem se tornar crônicos, prejudicando a audição de maneira irreversível”, explica a Dra. Kathileenn. A campanha ainda realizou encaminhamentos cirúrgicos e cinco casos que necessitaram de aparelho auditivo, nessa primeira fase. Com o sucesso da campanha, e a intenção de estendê-la para todas as demais escolas públicas de Água Boa, reforçamos que os pais estejam atentos aos materiais dos filhos, para assinar devidamente o termo de consentimento, autorizando a realização dos exames, além de ser extremamente importante levá-los quando convocados a exames complementares, nas unidades de saúde dos bairros ou à consulta especializada. A audição é essencial para que as crianças estejam de fato aprendendo na escola. Aproveite a campanha, e garanta o desenvolvimento da linguagem e desempenho escolar satisfatório do seu filho.