Edifício de 17 Andares Será Construído em Água Boa

Audiência Pública Referenda Alterações no Plano Diretor

torre 1

 

Atendendo convocação do presidente da Câmara Municipal, um bom público participou da Audiência Pública para a discussão de alterações no Plano Diretor objetivando referendar legalmente a edificação de um prédio com 85 metros de altura na cidade.

Representando o executivo, o Secretário de Administração Luiz Omar Pichetti fez uma retrospectiva ao ordenamento jurídico urbano da cidade destacando a importância do Plano Diretor e a necessidade de atualizá-lo periodicamente face o acelerado processo de crescimento da cidade.

Defendeu o projeto, afirmando que o mesmo é sustentável e promoverá uma quebra de paradigmas modificando positivamente o visual da cidade.

Na seqüência, o diretor jurídico do Grupo Corazza, Drº Edmar fez uma explanação audiovisual  aos presentes, detalhando aspectos gerais do projeto.

 

torre 3

Concluída a apresentação, ocorreu a intervenção da plenária, com esclarecimentos objetivos por parte dos empreendedores sobre os questionamentos apresentados, dos quais destacaram - se os seguintes:

Águas Pluviais  - haverá um sistema de captação das águas pluviais que serão utilizadas para limpeza e jardinagem do condomínio. Apenas eventuais excessos serão destinados às galerias pluviais.

Combate a Incêndios  - rigorosamente serão observadas todas as normas em vigor. Serão implantadas saídas emergenciais e um reservatório de água será instalado na última laje para combate a incêndios. Uma apólice de seguros cobre 100% de eventuais danos materiais.

Resistência do Solo - Sondagens no local indicaram a presença de cascalho a 15 metros de profundidade e, em alguns pontos, rochas a 20 metros, indicando segurança total em relação a fundação.

Interferência no Aeroporto - a principio não haverá interferência pois o prédio não é novidade em termo de altura que será inferior a torre de telefonia já existente. Além disso o edifício terá em seu topo equipamentos de sinalização para orientar os vôos.

Rede de Esgoto - o município tem projeto em andamento para ampliação da rede de esgoto e construção de nova estação de tratamento que deverão estar implantadas quando o prédio for concluído, em cerca de três anos. Caso isso não ocorra existe técnicas disponíveis para destinação dos dejetos, sem impactar a rede.

Redução de Impactos - Serão construídas duas garagens por apartamento, evitando assim problemas de estacionamento nas áreas vizinhas.

Recurso Financeiros - A empresa garante a conclusão da obra sem depender de recursos de terceiros ou da venda antecipada de apartamentos.

Ao encerramento, os presentes mostraram - se satisfeitos e em absoluta maioria aprovaram o projeto. Cabe agora a Câmara Municipal seguir os ritos legislativos para viabilizar a implantação desta inédita e modernizante obra, que engrandecerá a cidade de Água Boa.torrePREDIO 3

      Foto Inlustrativa